[Espelho de duas faces]

Do que você está rindo?
Eu não sou menino
Porque me julga incapaz?
Porque você olha com piedade,
cínico, superior
Eu não nasci ontem
Tenho muita vida para trás
Porque você se acha mais sabido?
Porque pensa que tudo que fala é absoluta verdade
sem nada a te opor?
Porque vagueia enquanto eu falo
como se nada tivesse sentido?


Eu não sou idiota
ingênuo, tolo, inocente
Não precisa me subjulgar
pesar as palavras
Não precisa dissimular, fingir que se importa, mentir o que sente
Eu não sou menino
Só tenho guardado a minha experiência
Enquanto você se acha, se auto convence
se denomina inteligente
chamo isso de prepotência
O que faz você pensar que está ganhando
me traz um riso silencioso crescente
E no que você me infantiliza, me subestima, me diminui
mais você se ilude, mais me empurra pra frente.

Luciana Lima
24/09/08

Anúncios